Galeria

Galeria de Imagens

Anúncios

Texto com Foto

É tão estranho quando passa. Quando aquele sentimento de que eu nunca ia achar alguém igual a você passa. Quando aquela agonia nada bonita no peito, que até chega a inspirar ou a despertar sérios motivos pra terapia, passa. coracao-partidoPorque na troca desse sentimento meio triste, meio sozinho, de gostar de quem não gosta da gente, de sentir por quem recusou claramente ou por acidente, na troca disso tudo e no meio do turbilhão, a coisa para. Fica um buraco. Um buraco com tampa e um vazio diferente. Um vazio novo que a gente ainda não se acostumou, que tinha alguma coisa que preenchia antes e agora não tem, mas também não dói. É o vazio do que passou. E do nada eu percebo que você já não me Continuar lendo

O que eu te desejo neste ano novo

Coisa difícil é essa de inovar as metas para um ano que começa. Tirando coisa ou outra, andamos constantemente, ano após ano, em busca de coisas as quais sabemos que não iremos realizar. Academia é a minha meta mais clichê. Todo ano prometo, e todo ano falho. Começo, fico alguns meses, me canso e paro. Sempre arranjo um jeito de dizer que não dá mais, que falta tempo, que tem outras coisas mais importantes. No final, sempre sei que puxar peso e caminhar numa esteira que não me leva a lugar algum, não é muito minha cara, mas teimosamente, insisto. Continuar lendo